Precisa de ajuda?
11 4196-6000

0

Carrinho

    Parcelamento em até 12x sem juros
    Primeira troca gratuita
    5% de desconto no boleto
    Cód:
    9788520429624
    Labirinto – 1ª Edição - Impresso

    Calcule o frete do produto:

    Especificações

    Descrição

    Currículo

    AutorAndrade, Jorge

    Sinopse

    SinopseA obra de Jorge Andrade é uma profunda reflexão sobre a formação da sociedade brasileira, desde as primeiras bandeiras até a derrocada das oligarquias paulistas nas primeiras décadas do século XX. Misto de autobiografia, ficção e reportagens que realizou para a revista Realidade , o romance Labirinto - originalmente publicado em 1978 - investiga os meandros da memória e constitui uma verdadeira busca de si mesmo em meio a acontecimentos históricos, eventos fictícios e conversas sinceras e reveladoras. Andrade encontra ecos de seu labirinto pessoal em diálogos com nomes-chave do pensamento nacional, como Sérgio Buarque de Holanda, Antonio Candido e Gilberto Freyre. No estúdio do artista plástico Wesley Duke Lee, ou na companhia de Érico Veríssimo, vê-se às voltas com recordações do ambiente familiar tradicional e autoritário. Em reportagem no interior de um presídio, reconhece como espelho o amor e ódio que um prisioneiro sente pelo pai. Pessoas, objetos e sensações o remetem a velhas memórias e pequenas epifanias, na melhor tradição (assumida) de Em busca do tempo perdido , obra-prima de Marcel Proust. Jorge Andrade (1922-1984) foi um de nossos dramaturgos mais expressivos. Peças de sua autoria como A moratória , Pedreira das almas e Os ossos do barão estão entre os clássicos do teatro brasileiro.

    Especificações

    ISBN9788520429624
    Peso,35
    Largura14
    Altura21
    Número de páginas304
    Ano de publicação2009
    Edição1
    Tipo de produtoLivros

    Informações adicionais

    BISACREF000000
    A obra de Jorge Andrade é uma profunda reflexão sobre a formação da sociedade brasileira, desde as primeiras bandeiras até a derrocada das oligarquias paulistas nas primeiras décadas do século XX. Misto de autobiografia, ficção e reportagens que realizou para a revista Realidade , o romance Labirinto - originalmente publicado em 1978 - investiga os meandros da memória e constitui uma verdadeira busca de si mesmo em meio a acontecimentos históricos, eventos fictícios e conversas sinceras e reveladoras. Andrade encontra ecos de seu labirinto pessoal em diálogos com nomes-chave do pensamento nacional, como Sérgio Buarque de Holanda, Antonio Candido e Gilberto Freyre. No estúdio do artista plástico Wesley Duke Lee, ou na companhia de Érico Veríssimo, vê-se às voltas com recordações do ambiente familiar tradicional e autoritário. Em reportagem no interior de um presídio, reconhece como espelho o amor e ódio que um prisioneiro sente pelo pai. Pessoas, objetos e sensações o remetem a velhas memórias e pequenas epifanias, na melhor tradição (assumida) de Em busca do tempo perdido , obra-prima de Marcel Proust. Jorge Andrade (1922-1984) foi um de nossos dramaturgos mais expressivos. Peças de sua autoria como A moratória , Pedreira das almas e Os ossos do barão estão entre os clássicos do teatro brasileiro.

    TemplateEvento