Precisa de ajuda?

(11) 4196-6000
Das 08:00 às 17:00

Whatsapp
E-booksMedicinaCardiologiaTratado de estimulação cardíaca artificial - 7ª Edição

Parcelamento em
até 10x sem juros

Primeira troca
gratuita

5% de desconto
no PIX

E-books | Medicina | Cardiologia

Click me

Tratado de estimulação cardíaca artificial - 7ª Edição

Referência: 9786555761757
  • Autor: : Celso Salgado de Melo
  • A ampliação e a evolução dos conhecimentos científicos na cardiologia fornecem aos especialistas em arritmias opções eficientes de tratamento para os pacientes, não apenas aos portadores de transtornos elétricos que evoluem com bradicardia e devem ser tratados com o implante de marcapasso, mas também para aqueles que evoluem com taquiarritmias e necessitam de implante de cardiodesfibriladores e para aqueles que evoluem com insuficiência cardíaca resistente ao tratamento farmacológico convencional, pois, hoje, existe a possibilidade de se fazer o implante de ressincronizadores biventriculares.
  • Atualmente, as técnicas de implante de marcapassos passaram por um avanço importante com a descoberta das opções de estimulação hissiana, para-hissiana e septal profunda, trazendo uma acentuada melhora na evolução desses pacientes, uma vez que são técnicas que copiam o que a natureza criou: a estimulação fisiológica que utiliza os caminhos naturais do estímulo elétrico cardíaco.
  • O TRATADO DE ESTIMULAÇÃO CARDÍACA ARTIFICIAL – SÉTIMA EDIÇÃO foi cuidadosamente elaborado por Celso Salgado de Melo, conceituado especialista na área de estimulação cardíaca. Trata-se da evolução das outras seis edições, cujo início ocorreu no ano de 2001. Esta sétima edição foi totalmente revisada, atualizada e também ampliada com novos capítulos. Numerosos e competentes autores nacionais e internacionais colaboraram produzindo capítulos importantes para os especialistas e cardiologistas clínicos que desejam atualizar regularmente os seus conhecimentos e o domínio das novas concepções nessa importante área da cardiologia, sempre com o objetivo de promover o melhor bem-estar aos pacientes.
  • + Ver mais

    De
    R$ 247,00
    Por
    R$ 222,30
    Ou 10 x de R$ 22,23
    sem juros
    Economize R$ 24,70
    -10%
    Ou R$ 222,30 à vista no pix

    Formas de pagamento


    Por que ler esse e-book?
    O Tratado de estimulação cardíaca artificial - Sétima Edição é destinado para os estimulistas e eletrofisiologistas do futuro. Nesta edição, os numerosos capítulos foram escritos para fornecer um conceito básico, lúcido e atualizado sobre a prática da estimulação cardíaca artificial, ainda que não contemple todos os conceitos e todos os dados existentes nessa especialidade, que é fascinante e está em constante evolução. O livro contém temas da atualidade, como os capítulos de eletricidade e fisiologia cardíaca, de cardioneuroablação, de estimulação hissiana e de estimulação septal profunda, dentre muitos outros em seus 80 capítulos distribuídos em mais de 1100 páginas. ""Este tratado torna-se parte de uma literatura altamente especializada, regada com sólidos conceitos, extensa informação científica e inúmeras inovações que alimentam a fértil comunidade brasileira de eletrofisiologia e estimulação cardíaca artificial. [...] Vale mencionar grandes inovações. A cardioneuroablação mostra um aparente paradoxo, pelo qual é possível tratar bradiarritmias funcionais sintomáticas com ablação por radiofrequência, sem implante de marcapasso. Nesse capítulo, seremos facilmente seduzidos pelo fascínio de belíssimos segredos do sistema nervoso autônomo, lapidados por milhões de anos de evolução natural e sorrateiramente inseridos no código de conduta de nossas vísceras. A cardiomiopatia induzida por marcapasso é finalmente o reconhecimento de um efeito colateral altamente deletério, furtivamente acobertado durante muitos anos, pelo grande e inquestionável benefício de corrigir a bradicardia. Percebe-se que a estimulação cardíaca moderna zela, igualmente, não somente pelo número de batimentos, mas também pela qualidade mecânica de cada um deles. A estimulação fisiológica nos convence de que a estimulação cardíaca mudou para sempre e que o marcapasso convencional na ponta do ventrículo direito faz parte de uma história que sucumbiu a argumentos irrefutáveis"". (Do Prefácio de Prof. José Carlos Pachón Mateos, Doutor em Cardiologia pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP). Diretor do Serviço de Marcapasso do Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia. Diretor do Serviço de Arritmias do Hcor-SP)
    • Título de Especialista pela Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC). Título de Especialista da Área de Atuação em Estimulação Cardíaca Eletrônica da Associação Médica Brasileira (AMB). Sócio-fundador da Sociedade Latino-Americana de Estimulação Cardíaca e Eletrofisiologia (Solaece), atual Latin American Heart Rhythm Society (LAHRS). Graduado pela Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM). Ex-médico residente do Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia – São Paulo.
    • Título de Especialista pela Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC). Título de Especialista da Área de Atuação em Estimulação Cardíaca Eletrônica da Associação Médica Brasileira (AMB). Sócio-fundador da Sociedade Latino-Americana de Estimulação Cardíaca e Eletrofisiologia (Solaece), atual Latin American Heart Rhythm Society (LAHRS). Graduado pela Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM). Ex-médico residente do Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia – São Paulo.
      A Editora Manole adota a plataforma de e-books VitalSource Bookshelf. Além de oferecer vários recursos, o Bookshelf permite até quatro instalações, sendo duas em dispositivos móveis (smartphones e tablets) e duas em computadores (desktops ou notebooks). Compatibilidade Além do acesso on-line e Off-line (online.vitalsource.com), o Bookshelf está disponível para os seguintes sistemas: Windows, Mac OS X, iOS e Android. Acesso aos e-books • Após a confirmação do pagamento, o e-book será associado a uma conta na VitalSource. Se você já for usuário do Bookshelf, o e-book será associado à conta existente; caso contrário, será criada uma conta com o e-mail utilizado para a compra; • Os dados para login devem ser informados no Bookshelf on-line ou na primeira utilização do aplicativo. Após novas aquisições, é importante clicar na opção “Atualizar biblioteca”. Acessibilidade • O aplicativo Bookshelf dispõe de recursos para auxiliar os portadores de deficiência visual. Além da ampliação de caracteres, o aplicativo oferece a leitura com voz sintetizada; • O recurso de leitura em português funciona em instalações em nosso idioma no Windows 7 SP1 ou superior e OS X 10.10 (Yosemite). Observações importantes • Em sistemas Linux e Windows Phone, seus e-books podem ser acessados on-line; • Não é permitida a impressão dos e-books;Os e-books adquiridos no site da Editora Manole não são compatíveis com os aplicativos e dispositivos Kindle, Nook, Kobo e Lev;
      A Editora Manole adota a plataforma de e-books VitalSource Bookshelf. Além de oferecer vários recursos, o Bookshelf permite até quatro instalações, sendo duas em dispositivos móveis (smartphones e tablets) e duas em computadores (desktops ou notebooks). Compatibilidade Além do acesso on-line e Off-line (online.vitalsource.com), o Bookshelf está disponível para os seguintes sistemas: Windows, Mac OS X, iOS e Android. Acesso aos e-books • Após a confirmação do pagamento, o e-book será associado a uma conta na VitalSource. Se você já for usuário do Bookshelf, o e-book será associado à conta existente; caso contrário, será criada uma conta com o e-mail utilizado para a compra; • Os dados para login devem ser informados no Bookshelf on-line ou na primeira utilização do aplicativo. Após novas aquisições, é importante clicar na opção “Atualizar biblioteca”. Acessibilidade • O aplicativo Bookshelf dispõe de recursos para auxiliar os portadores de deficiência visual. Além da ampliação de caracteres, o aplicativo oferece a leitura com voz sintetizada; • O recurso de leitura em português funciona em instalações em nosso idioma no Windows 7 SP1 ou superior e OS X 10.10 (Yosemite). Observações importantes • Em sistemas Linux e Windows Phone, seus e-books podem ser acessados on-line; • Não é permitida a impressão dos e-books;Os e-books adquiridos no site da Editora Manole não são compatíveis com os aplicativos e dispositivos Kindle, Nook, Kobo e Lev;
    • "1.•A fantástica história da eletroterapia, eletrocardiografia e estimulação cardíaca artificial •1
    • 2.•Conceitos básicos de eletricidade •57
    • 3.•Fisiologia cardíaca e sistema de condução •67
    • 4.••Complexo estimulante do coração – sistema excitocondutor do coração •76
    • 5.•Bradiarritmias •91
    • 6.•Conceitos básicos na estimulação cardíaca •101
    • 7.•Cabos-eletrodos •117
    • 8.•Cabos-eletrodos epimiocárdicos definitivos e temporários•147
    • 9.•Intervalos de tempo em marcapassos •160
    • 10.•Condições e fatores que podem impactar o funcionamento e a longevidade dos cabos-eletrodos dos marcapassos e cardiodesfibriladores •166
    • 11.•Baterias dos marcapassos e cardiodesfibriladores (CDI) •180
    • 12.•Código de nomenclatura de marcapassos e cardiodesfibriladores •194
    • 13.•Identificação radiológica de dispositivos cardíacos eletrônicos implantáveis •199
    • 14.•Indicações para o implante de marcapasso definitivo •212
    • 15.•Técnicas cirúrgicas para o implante de marcapassos •235
    • 16.•Técnicas para o implante de ressincronizadores endocárdicos •252
    • 17.•Marcapasso provisório e estimulação cardíaca temporária •258
    • 18.•Indicações para o implante de marcapasso temporário •266
    • 19.•Orientações a respeito das interferências sobre os dispositivos cardíacos eletrônicos implantáveis •271
    • 20.•Estimulação cardíaca via estimulação de feixe de His (estimulação hissiana) •280
    • 21.•Estimulação do ramo esquerdo por meio do implante de marcapasso septal profundo •287
    • 22.•Exemplos de interferências e transtornos ambientais nos marcapassos definitivos •297
    • 23.•Ressonância magnética em portadores de dispositivos cardíacos eletrônicos implantáveis •302
    • 24.•Acompanhamento do paciente portador de marcapasso•314
    • 25.•Normas para a orientação de pacientes portadores de marcapasso•323
    • 26.•Plano de orientações para pacientes submetidos ao implante de dispositivos cardíacos eletrônicos •337
    • 27.•Novos algoritmos dos atuais dispositivos eletrônicos cardíacos implantáveis •344
    • 28.•Sensores •353
    • 29.•Marcapasso definitivo em crianças •368
    • 30.•Remoção de cabos-eletrodos endocárdicos de marcapasso e desfibrilador implantáveis •380
    • 31.•Técnicas e equipamentos para remoção de cabos-eletrodos de dispositivos eletrônicos implantáveis•388
    • 32.•Marcapasso na prevenção de fibrilação atrial e síncope neurocardiogênica: grandes avanços, novas opções •398
    • 33.•Eletrofisiologia: história e conceitos básicos •407
    • 34.•Orientações para a realização de estudo eletrofisiológico •416
    • 35.•Indicações para a terapia de ressincronização cardíaca •421
    • 36.•O marcapasso como opção terapêutica para o tratamento da insuficiência cardíaca•425
    • 37.•Síndrome do QRS largo e síndrome ventricular do marcapasso: uma nova fase na estimulação cardíaca artificial•433
    • 38.•Terapia de ressincronização cardíaca: o dilema de ter respondedores, não respondedores e hiper-respondedores •441
    • 39.•Evidências atuais para a indicação da terapia de ressincronização cardíaca •447
    • 40.•Terapia de ressincronização cardíaca: efeitos sobre a função arterial, pós-carga ventricular e acoplamento ventriculoarterial •458
    • 41.•Terapia de ressincronização cardíaca em indivíduos com insuficiência cardíaca, assintomáticos ou levemente sintomáticos: do resgate à prevenção•477
    • 42.•Terapia de ressincronização cardíaca em pacientes com insuficiência cardíaca refratária e QRS sem padrão de bloqueio de ramo esquerdo •482
    • 43.•Miocardiopatia hipertrófica, utilização dos dispositivos cardíacos eletrônicos implantáveis e outras opções de tratamento•488
    • 44.•Cardioneuroablação: nova opção para tratar bradiarritmias funcionais sem marcapasso •501
    • 45.•Ablação de arritmias cardíacas por radiofrequência em pacientes portadores de marcapasso cardíaco definitivo e cardiodesfibriladores implantáveis •512
    • 46.•Radioterapia em portadores de marcapassos e cardiodesfibriladores implantáveis •515
    • 47.•Cardioversores-desfibriladores automáticos implantáveis •525
    • 48.•Evidências atuais para a indicação de cardiodesfibriladores implantáveis •531
    • 49.•Utilização do cardioversor-desfibrilador implantável na doença de Chagas •541
    • 50.•Indicações para o implante de cardiodesfibrilador automático •548
    • 51.•Cardiodesfibrilador implantável subcutâneo •562
    • 52.•Tempestade elétrica em portadores de cardiodesfibrilador implantável•568
    • 53.•Estimulação cardíaca na cardiomioplastia•572
    • 54.•Síndrome do marcapasso •578
    • 55.•Importância do Holter no acompanhamento do portador de marcapasso•585
    • 56.•Cirurgia não cardíaca em pacientes portadores de marcapasso cardíaco•599
    • 57.•Arritmias na estimulação cardíaca artificial•604
    • 58.•Síncope: epidemiologia e mecanismos fisiopatológicos •617
    • 59.•Disautonomias e síncopes•626
    • 60.•Perdas transitórias de consciência e convulsões: epilepsia ou síncope?•640
    • 61.•Normas de acompanhamento dos pacientes com síncope •653
    • 62.•Síncope em portador de dispositivo eletrônico cardíaco•668
    • 63.•Troca emergencial de dispositivo cardíaco eletrônico implantável •672
    • 64.•Complicações elétricas e eletrônicas dos marcapassos •677
    • 65.•Manejo dos distúrbios de condução cardíaco associados ao implante percutâneo de prótese valvar aórtica (TAVI)•701
    • 66.•Infecções na estimulação cardíaca artificial (I)•707
    • 67.•Infecções em dispositivos cardíacos eletrônicos implantáveis (DCEI) (II)•715
    • 68.•Alterações anatomopatológicas de corações de pacientes chagásicos portadores de marcapasso definitivo endocárdico •725
    • 69.•Modulação da contratilidade cardíaca•734
    • 70.•Avanços da eletroterapia •743
    • 71.•Eletrocardiografia•762
    • 72.•Fármacos antiarrítmicos •786
    • 73.•Apneia do sono e dispositivos cardíacos eletrônicos implantáveis •825
    • 74.•Fibrilação atrial – recomendações para tratamento •832
    • 75.•Condução veicular em pacientes portadores de dispositivos cardíacos eletrônicos implantáveis •843
    • 76.•Guias de tratamento clínico e ablação por cateter das arritmias ventriculares •847
    • 77.•Arritmias supraventriculares: indicações para tratamento clínico e ablação por radiofrequência •859
    • 78.•Taquicardias ventriculares •875
    • 79.•Taquicardias supraventriculares •881
    • 80.•Coração artificial •888
    • Glossário de termos de estimulação cardíaca, eletrofisiologia e arritmias cardíacas•899
    • Anexo I – Diretrizes do Deca/SBCCV*•997
    • Índice remissivo•1059
    • "1.•A fantástica história da eletroterapia, eletrocardiografia e estimulação cardíaca artificial •1 2.•Conceitos básicos de eletricidade •57 3.•Fisiologia cardíaca e sistema de condução •67 4.••Complexo estimulante do coração – sistema excitocondutor do coração •76 5.•Bradiarritmias •91 6.•Conceitos básicos na estimulação cardíaca •101 7.•Cabos-eletrodos •117 8.•Cabos-eletrodos epimiocárdicos definitivos e temporários•147 9.•Intervalos de tempo em marcapassos •160 10.•Condições e fatores que podem impactar o funcionamento e a longevidade dos cabos-eletrodos dos marcapassos e cardiodesfibriladores •166 11.•Baterias dos marcapassos e cardiodesfibriladores (CDI) •180 12.•Código de nomenclatura de marcapassos e cardiodesfibriladores •194 13.•Identificação radiológica de dispositivos cardíacos eletrônicos implantáveis •199 14.•Indicações para o implante de marcapasso definitivo •212 15.•Técnicas cirúrgicas para o implante de marcapassos •235 16.•Técnicas para o implante de ressincronizadores endocárdicos •252 17.•Marcapasso provisório e estimulação cardíaca temporária •258 18.•Indicações para o implante de marcapasso temporário •266 19.•Orientações a respeito das interferências sobre os dispositivos cardíacos eletrônicos implantáveis •271 20.•Estimulação cardíaca via estimulação de feixe de His (estimulação hissiana) •280 21.•Estimulação do ramo esquerdo por meio do implante de marcapasso septal profundo •287 22.•Exemplos de interferências e transtornos ambientais nos marcapassos definitivos •297 23.•Ressonância magnética em portadores de dispositivos cardíacos eletrônicos implantáveis •302 24.•Acompanhamento do paciente portador de marcapasso•314 25.•Normas para a orientação de pacientes portadores de marcapasso•323 26.•Plano de orientações para pacientes submetidos ao implante de dispositivos cardíacos eletrônicos •337 27.•Novos algoritmos dos atuais dispositivos eletrônicos cardíacos implantáveis •344 28.•Sensores •353 29.•Marcapasso definitivo em crianças •368 30.•Remoção de cabos-eletrodos endocárdicos de marcapasso e desfibrilador implantáveis •380 31.•Técnicas e equipamentos para remoção de cabos-eletrodos de dispositivos eletrônicos implantáveis•388 32.•Marcapasso na prevenção de fibrilação atrial e síncope neurocardiogênica: grandes avanços, novas opções •398 33.•Eletrofisiologia: história e conceitos básicos •407 34.•Orientações para a realização de estudo eletrofisiológico •416 35.•Indicações para a terapia de ressincronização cardíaca •421 36.•O marcapasso como opção terapêutica para o tratamento da insuficiência cardíaca•425 37.•Síndrome do QRS largo e síndrome ventricular do marcapasso: uma nova fase na estimulação cardíaca artificial•433 38.•Terapia de ressincronização cardíaca: o dilema de ter respondedores, não respondedores e hiper-respondedores •441 39.•Evidências atuais para a indicação da terapia de ressincronização cardíaca •447 40.•Terapia de ressincronização cardíaca: efeitos sobre a função arterial, pós-carga ventricular e acoplamento ventriculoarterial •458 41.•Terapia de ressincronização cardíaca em indivíduos com insuficiência cardíaca, assintomáticos ou levemente sintomáticos: do resgate à prevenção•477 42.•Terapia de ressincronização cardíaca em pacientes com insuficiência cardíaca refratária e QRS sem padrão de bloqueio de ramo esquerdo •482 43.•Miocardiopatia hipertrófica, utilização dos dispositivos cardíacos eletrônicos implantáveis e outras opções de tratamento•488 44.•Cardioneuroablação: nova opção para tratar bradiarritmias funcionais sem marcapasso •501 45.•Ablação de arritmias cardíacas por radiofrequência em pacientes portadores de marcapasso cardíaco definitivo e cardiodesfibriladores implantáveis •512 46.•Radioterapia em portadores de marcapassos e cardiodesfibriladores implantáveis •515 47.•Cardioversores-desfibriladores automáticos implantáveis •525 48.•Evidências atuais para a indicação de cardiodesfibriladores implantáveis •531 49.•Utilização do cardioversor-desfibrilador implantável na doença de Chagas •541 50.•Indicações para o implante de cardiodesfibrilador automático •548 51.•Cardiodesfibrilador implantável subcutâneo •562 52.•Tempestade elétrica em portadores de cardiodesfibrilador implantável•568 53.•Estimulação cardíaca na cardiomioplastia•572 54.•Síndrome do marcapasso •578 55.•Importância do Holter no acompanhamento do portador de marcapasso•585 56.•Cirurgia não cardíaca em pacientes portadores de marcapasso cardíaco•599 57.•Arritmias na estimulação cardíaca artificial•604 58.•Síncope: epidemiologia e mecanismos fisiopatológicos •617 59.•Disautonomias e síncopes•626 60.•Perdas transitórias de consciência e convulsões: epilepsia ou síncope?•640 61.•Normas de acompanhamento dos pacientes com síncope •653 62.•Síncope em portador de dispositivo eletrônico cardíaco•668 63.•Troca emergencial de dispositivo cardíaco eletrônico implantável •672 64.•Complicações elétricas e eletrônicas dos marcapassos •677 65.•Manejo dos distúrbios de condução cardíaco associados ao implante percutâneo de prótese valvar aórtica (TAVI)•701 66.•Infecções na estimulação cardíaca artificial (I)•707 67.•Infecções em dispositivos cardíacos eletrônicos implantáveis (DCEI) (II)•715 68.•Alterações anatomopatológicas de corações de pacientes chagásicos portadores de marcapasso definitivo endocárdico •725 69.•Modulação da contratilidade cardíaca•734 70.•Avanços da eletroterapia •743 71.•Eletrocardiografia•762 72.•Fármacos antiarrítmicos •786 73.•Apneia do sono e dispositivos cardíacos eletrônicos implantáveis •825 74.•Fibrilação atrial – recomendações para tratamento •832 75.•Condução veicular em pacientes portadores de dispositivos cardíacos eletrônicos implantáveis •843 76.•Guias de tratamento clínico e ablação por cateter das arritmias ventriculares •847 77.•Arritmias supraventriculares: indicações para tratamento clínico e ablação por radiofrequência •859 78.•Taquicardias ventriculares •875 79.•Taquicardias supraventriculares •881 80.•Coração artificial •888 Glossário de termos de estimulação cardíaca, eletrofisiologia e arritmias cardíacas•899 Anexo I – Diretrizes do Deca/SBCCV*•997 Índice remissivo•1059
    • ISBN
      9786555761757
    • Número de páginas
      1104
    • Ano de publicação
      2023
    • Edição
      7
    • Tipo de produto
      E-Books

    Quem viu, viu também

    Tratado-de-estimulacao-cardiaca-artificial---7ª-Edicao

    Tratado de estimulação cardíaca artificial - 7ª Edição

    R$ 247,00
    R$ 222,30
    -10%